Notícias SEMAS encerra aes de maio contra a violncia infantojuvenil - 30/05/2018

No dia 18 de maio é comemorado em todo o país, o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infantojuvenil. As ações do mês em torno da data foram encerradas hoje (30), em reunião promovida pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), no Auditório Ver. Clênio José dos Santos, no Centro Administrativo Agnelo Alves.  

De acordo com a Vice-prefeita de Parnamirim e titular da SEMAS, Elienai Cartaxo, toda a rede assistencial, que inclui Educação, Assistência Social e Saúde, trabalha com a prevenção e o combate a este tipo de violência junto às famílias no município.

"Para os Centros de Referência e Assistência Social, por exemplo, esse é um desafio diário. Todas as ações e práticas são voltadas para proteger e conscientizar as crianças sobre a violência sexual, identificando com apoio da família, eventuais sinais do abuso sexual", disse a Secretária da SEMAS, Elienai Cartaxo.

A Promotora da Vara da Infância e da Juventude, Dra. Isabelita Garcia, participou da programação, que teve sua primeira ação no dia 18 de abril com uma audiência pública. "Este evento esclarece aos atores sociais, o papel de cada um no enfrentamento a este problema, desde o eixo dos cuidados, no atendimento à saúde, até o eixo social", disse a promotora Isabelita Garcia.

A palestrante Simone Fernandes, doutora em Psicologia pela UFRN, falou sobre o cuidado com a criança vítima de violência sexual. "Na rede de proteção, trabalhamos com a violência vivida, encarnada e subjetivada, que começa no contexto estrutural, que envolve questões sociais e segue por um caminho de complexidades", explicou a palestrante.

A Coordenadora da SEMAS, Érika Chagas informa que no ano de 2017 houve uma média de 220 denúncias de violência pelo Disque 100, das quais 40 foram sobre violência sexual. Neste ano, já foram registradas 90 denúncias. O Disk 100 pode ser acionado 24 por dia, todos os dias da semana.

Além disso, denúncias contra a violência sexual infantojuvenil podem ser feitas pelo 088-281-8100, dos Conselhos Tutelares, os CREAS e as delegacias comuns e especializadas.


Postado Por: Aldo Peixoto Junior
Fotografia de: ASCOM

Compartilhe: Compartilhar Facebook Share on Google+