Notícias Prefeitura e CVT-E comemoram mais um aniversário do projeto - 27/11/2019

A Prefeitura de Parnamirim e o Centro Vocacional Tecnológico Espacial (CVT-E) comemoraram nesta quarta-feira (27) o 2° aniversário do projeto, que tem sua sede localizada no Centro de Lançamento da Barreira do Inferno. 

Estiveram presentes no evento representantes das Secretarias Municipais de Educação (Semec); Planejamento, Finanças, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Seplaf) e Grupo de Ciência e Tecnologia da Informação (GCTI). 

O CVT-E é um projeto articulado pela Agência Espacial Brasileira (AEB)  que visa incentivar alunos da rede estadual, municipal e escolas técnicas, o estudo da engenharia espacial, onde os alunos aprendem o conceito de espaço e participam de atividades em robótica e mecatrônica, oficinas de foguete e observação do espaço. O projeto possui todo um aparato em estrutura como: Salas de aula climatizadas, alojamentos e todos os equipamentos necessários para estimular a prática das atividades em classe e extra-classe. 

O coordenador da AEB da região nordeste, Marco Antônio Vieira, explica a importância do projeto no incentivo à formação do alunos. "Essa iniciativa foi idealizada justamente para eles, para os jovens que estão nessa fase de escolher um novo horizonte profissional, a porta que eles vão entrar para uma carreira até o final da vida, então eles têm a oportunidade de conhecer um pouco do programa espacial dos produtos que vêm do espaço, que inclusive estão no nosso dia a dia. O projeto é um 'despertar' vocacional, com o objetivo de provocar neles que essa é uma profissão que poderão trabalhar no futuro", disse. 

De acordo com o Secretário Adjunto de C&TI, Dario Cândido de Medeiros, o CVT-E representa um grande complemento ao Município de Parnamirim. "Parnamirim vive hoje um momento de extrema importância, de resgate de sua história aliada a tecnologia, desde o seu nascimento como cidade, teve essa vocação voltada para a aviação e espaço, com o campo de pouso (décadas 30/40) a base aérea Parnamirim Field (o Trampolim da Vitória), com participação importante na Segunda Guerra Mundial vindo até os dias atuais com a ALA-10, importante complexo militar da Aeronautica. É um novo ciclo de inovação que estamos a implentar, que irá gerar estudo, emprego e renda e tudo está atrelado à ciência, tecnologia e inovação, não há outro caminho. Hoje temos o laboratório de robótica, INCLUDE, o primeiro do Rio Grande do Norte, instalado aqui, no bairro de Passagem de Areia, parceria importante com o Instituto Campus Party, então daqui do CVT-E eles poderão ir para os INCLUDES, estamos formando a primeira turma. Esses projetos mudam a realidade desses jovens, eles terão a oportunidade de ir para empresas encubadoras e estartaps que terão espaço no CCTV - Centro Cultural Trampolim da Vitória, que será ativado na instalações do antigo Aeroporto Augusto Severo onde poderão desenvolver projetos na área de Ciências e Tecnologia com ênfase no espaço. Um grande e promissor futuro temos pela frente!" falou.

Durante o evento, os estudantes foram certificados juntamente com seus professores pelos projetos idealizados e construídos ao longo das aulas. A seleção das escolas acontece por meio da Semec, responsável pelo calendário de inserção de turmas no projeto.

Texto: Cinthia Oliveira


Postado Por: Juliana Grace Nóbrega
Fotografia de: ASCOM

Compartilhe: Compartilhar Facebook Share on Google+