Notícias Prefeitura disp§e de servišos eficazes de testagem da Covid-19 - 06/07/2020

A Prefeitura de Parnamirim, por meio dos órgãos de saúde pública, segue realizando, de forma enérgica, o trabalho de combate à disseminação da Covid-19 no município. Em contrapartida, a cidade dispõe, no momento, de quatro pontos de coleta para testes do novo Coronavírus, dentre eles a UBS Suzete Cavalcanti, em Nova Parnamirim e o Laboratório Central, no Centro da cidade, os quais têm apresentado grande demanda de atendimentos. 

A Unidade Básica de Saúde Suzete Cavalcanti, que desde o dia 9 de abril conta com um Pronto Atendimento, o qual tem dado ampla assistência no atendimento aos casos da Covid-19, está realizando os testes de coleta de SWAB. O Pronto Atendimento é composto por uma enfermaria que possui seis leitos com pontos de oxigênio, consultório, salas de medicação, isolamento para testagem, observação e pequenos procedimentos. 

A diretora da UBS e Pronto Atendimento Suzete Cavalcanti, Luciana Guimarães explica o processo de testagem nos pacientes com suspeita da Covid-19. "Nós realizamos o teste SWAB mediante consulta e indicação, se o paciente estiver sintomático do terceiro ao sétimo dia. Realizamos o teste todos os dias e temos uma enfermeira exclusiva para a realização dessa testagem e, além disso, contamos com o apoio do Laboratório Central, que recebe as nossas amostras e depois nos envia os resultados em aproximadamente uma semana", disse.  

A diretora relata ainda sobre a grande demanda de pessoas que se dirigem à UBS. "Muitas pessoas nos procuram com bastante ansiedade ao surgir qualquer sintoma e o trabalho de acolhimento tem sido constante. Nós notamos no mês de junho um aumento no número de atendimentos. Realizamos, por dia, uma média de 50 atendimentos de todos os tipos e de urgência, porém, a maioria dos pacientes nos procuram achando que estão com algum sintoma da Covid-19. O nosso Pronto Atendimento tem sido referência na nossa região e para a população de Nova Parnamirim, pois agora as pessoas não necessitarão se deslocar para a UPA de Nova Esperança, por exemplo", completou.  

Apesar de o Pronto Atendimento ter como fator principal para a sua criação o momento da pandemia, a unidade possui outros tipos de atendimento, e não apenas o voltado aos suspeitos do Coronavírus. Os serviços contam com uma escala de plantão das 7h às 19h e funcionam de segunda a segunda. Já a UBS funciona de segunda a sexta-feira, das 7:30h às 16:30h, com atendimentos sendo realizados através de agendamento, por meio do telefone 3615-4621.  

 

Laboratório Central 

 

No caso do Laboratório Central de Parnamirim, a coleta é realizada mediante encaminhamento médico das unidades básicas de saúde e, atualmente, o Laboratório dispõe de dois tipos de testes para detecção da Covid-19, o SWAB (RT-PCR) e o de sorologia. 

A diretora do Laboratório Central, Aparecida Feliciano, explica a diferença entre os testes. "O que diferencia os testes é o protocolo viral de cada um. O RT-PCR é uma pesquisa do RNA viral, que é feita na mucosa naso-orofaringe. Já na sorologia, o sangue é coletado, colocado na máquina e passa pela centrifugação. O RT-PCR é realizado em pacientes com suspeita do primeiro ao sétimo dia, já do décimo quarto dia em diante é realizado o da sorologia, onde é feita a pesquisa de anticorpos", disse.  

O material coletado (secreção naso-orofaringe) tanto no próprio laboratório, quanto nos outros postos em que são feitas as coletas, passa por conferência, catalogação no sistema do governo do RN, armazenamento e em sequência é enviado ao Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (LACEN/RN), que funciona em Natal.  

No caso da Unidade Suzete Cavalcanti, da UPA de Nova Esperança e do Hospital Márcio Marinho, a coleta é feita nas próprias unidades mediante avaliação médica, no momento do atendimento. 

Os pacientes com encaminhamento devem direcionar-se ao laboratório, devidamente agendados, e fazendo uso de máscaras de proteção. O agendamento pode ser realizado na unidade requisitante ou pelo próprio paciente através do telefone 3644-8416. O horário de atendimento é das 6h às 22h. 

Os órgãos de saúde pública ressaltam que a população deve ficar atenta aos sintomas, devendo procurar uma Unidade de Saúde somente quando apresentarem quadro de desconforto respiratório, juntamente com sintomas característicos, como tosse, dor de garganta, febre, coriza ou dor de cabeça. Além disso, é importante que a população siga todos os protocolos de segurança recomendados através dos decretos municipais quanto às medidas de isolamento social, higienização das mãos, uso de máscaras, distanciamento mínimo de 1 metro, dentre outras medidas.  

Texto: Cinthia Oliveira 


Postado Por: JOEL DA COSTA CAMARA NETO
Fotografia de: ASCOM - Cinthia Oliveira

Compartilhe: Compartilhar Facebook Share on Google+