Notícias Semsur capacita equipe técnica e visa cidade cada vez mais sustentável - 22/04/2021

Com intuito de tornar a cidade de Parnamirim cada vez mais sustentável, a equipe técnica da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), se reuniu na manhã desta quinta-feira (22), para analisar os dados apresentados no ranking dos municípios para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Além do conhecimento dos relatórios, os profissionais também participaram de uma capacitação para atualização do diagnóstico das áreas verdes para a inserção do Programa Cidade + Verdes.

De acordo com Rárika Bastos, secretária-adjunta da Semsur, a colocação de Parnamirim mostra que o município está trabalhando no caminho certo. “De um total de 5.570 cidades no país, estamos no 472º lugar. Se tratando da esfera estadual, ocupamos a 4ª colocação, à frente de cidades como Natal e Mossoró. Já realizamos serviços que buscam um desenvolvimento sustentável, como é o caso da iluminação pública, onde a cidade se aproxima de 100% na implementação de Led, como também, com relação a coleta de lixo, onde Parnamirim desde 2007 já destina 100% do resíduo domiciliar para o aterro sanitário”.

A avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) foi realizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNN), e o bom rendimento contribui para que as cidades possam viabilizar e elaborar projetos juntos com o Projeto Cidades + Verdes, cujo objetivo principal é ampliar a quantidade e a qualidade das áreas verdes urbanas no país.

Para contribuir nos serviços de desenvolvimento sustentável, a equipe técnica da Semsur fez um zoneamento e atualizou os mapas com os equipamentos de responsabilidade da pasta (cemitérios, praças, mercados, academias ao ar livre e lagoas). Rárika Bastos comentou sobre a importância da posição de Parnamirim no ranking ODS e o quanto é fundamental a união das secretarias para que a cidade continue avançando.

“Estamos sinalizando onde existem nossos serviços, demarcando às áreas, para compreender a situação de cada território. O próximo passo é buscar parcerias com outras secretarias, como a de Meio Ambiente, Limpeza Urbana e Turismo pra que esse mapeamento se torne maior. Temos metas para alcançar e ajudar na preservação do planeta”, disse Rárika Bastos.

Texto: Ricardo Oliveira


Postado Por: JULIANA GRACE NOBREGA DE MEDEIROS
Fotografia de: ASCOM - Ana Amaral

Compartilhe: Compartilhar Facebook Share on Google+